Em estreia de Rogério Ceni, Bahia vence o Coritiba e se afasta do Z4 do Brasileiro - Gazeta Esportiva

Em estreia de Rogério Ceni, Bahia vence o Coritiba e se afasta do Z4 do Brasileiro

São Paulo, SP

14/09/2023 às 22:04

O Bahia venceu o Coritiba, de virada, nesta quinta-feira, por 4 a 2, em duelo da 23ª rodada do Campeonato Brasileiro, que marcou a estreia do técnico Rogério Ceni no comando do Tricolor baiano. Rafael Ratão, Thaciano, Ademir e Biel marcaram para o time visitante, enquanto Sebástian Gómez e Andrey fizeram os do Coxa.

Com este resultado, o Bahia fica em 15° lugar, com 25 pontos, quatro a mais que o Santos, primeiro time no Z4. O Coritiba, com 14 segue na lanterna.

Pela 24ª rodada, o Coritiba entra em campo para enfrentar o Vasco, no Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro, às 19 horas (de Brasília) da próxima quinta-feira. O Bahia, por sua vez, tem compromisso na segunda-feira, contra o Santos, às 20 horas, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

O jogo


O Coritiba abriu o placar com um minuto de jogo. A equipe da casa construiu boa jogada pela direita, Slimani recebeu aberto e cruzou na área, encontrando Sebástian Gómez, que finalizou para o fundo do gol. A reação do Bahia veio logo depois. Yago Felipe ajeitou de cabeça na área, Everaldo dominou e finalizou, acertando a trave. No rebote, Rafael Ratão não desperdiçou e deixou tudo igual, aos 10.

Thaciano virou para o Esquadrão de Aço aos 29 minutos. Cándido cruzou na área, Luan Polli tentou defender pelo alto, mas não segurou a bola, que sobrou na área para o meia finalizar e fazer o segundo do Bahia. Minutos depois, Ademir fez o terceiro, aproveitando mais uma falha do goleiro do Coxa. Cándido recebeu de Thaciano e tentou a finalização, defendida por Luan Polli, que espalmou na área. Ademir aproveitou e mandou para o fundo da rede.

Biel fez o quarto gol do Bahia aos 28 minutos do segundo tempo, em mais uma falha do goleiro do Coxa. Após longo lançamento de Gilberto, Biel ficou coma bola no ataque e avançou. Luan Polli fez mal o corte fora da área e a bola sobrou para o atacante tricolor finalizar com o gol aberto. Minutos depois, Slimani teve chance, mas Marcos Felipe fez a defesa.

Nos últimos minutos dos acréscimos, novamente o reforço argelino do Coxa recebeu na área e finalizou para mais uma defesa do goleiro do Bahia. Até que, no lance seguinte, Andrey recebeu de Slimani, estreante, e diminuiu o placar.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA 2 X 4 BAHIA


Local: Estádio Couto Pereira (Curitiba, PR)
Data: 14 de setembro de 2023, quinta-feira
Horário: 20 horas (de Brasília)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (FIFA-RJ)
Assistentes: Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ) e Daniel do Espirito Santo Parro (RJ)
VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Cartões amarelos: Hayner, Bruno Gomes e Thiago Dombroski (Coritiba); Rezende (Bahia)

GOLS:

CORITIBA: Sebástian Gómez (no minuto 1 do 1°T) e Andrey (aos 49 minutos do 2°T)
BAHIA: Rafael Ratão (aos 10 minutos do 1°T), Thaciano (aos 29 minutos do 1°T), Ademir (aos 34 minutos do 1°T) e Biel (aos 28 minutos do 2°T)

CORITIBA: Luan Polli; Hayner (Natanael), Kuscevic, Thiago Dombroski e Jamerson; Andreas Samaris (Marcelino Moreno), Sebástian Gómez (Diogo Oliveira) e Bruno Gomes (Andrey); Kaio, Robson e Slimani.
Técnico: Thiago Kosloski

BAHIA: Marcos Felipe; Gilberto, Kanu, Raul Gustavo e Camilo Cándido; Rezende (Léo Cittadini), Yago Felipe (Acevedo) e Thaciano (Lucas Mugni); Ademir (Vitor Jacaré), Rafael Ratão (Biel) e Everaldo.
Técnico: Rogério Ceni

Conteúdo Patrocinado